domingo, 30 de dezembro de 2012

Janaina mara

Janaina Mara -
17 anos  Mamãe do Henryque Augusto .

Facebook ↓
http://www.facebook.com/janaina.mara.18

Ask ↓
http://ask.fm/Jaanamara
aqui é o Gutinho ↓





a Historia dela ↓


Bom, vou resumir thá. Minha história começou no dia 30 de agosto/2010, quando conheci o Luiz Henrique, começamos a ficar, namorar e talz. Fui passar as ferias no rio de janeiro na casa do meu pai e o Rick me ligou pedindo em casamento, aceitei é óbvio, ele falou com a minha mãe, com o meu pai, mas eles disseram que eu era muito nova pra casar e talz, meu pai disse que só aceitava se eu tivesse gravida ou algo do tipo e tinha qe ir morar la com ele. Fomos, parei de tomar o remédio,mas não engravidei. Não deu certo lá e voltamos pra cá. Fomos morar na casa da mãe dele, não deu certo de novo, elas me expulsou de lá :'( e ele largou tudo e saiu de lá tbm, arrumamos a casa dos fundos da casa da minha mae e viemos morar foi ai qe engravidei do pequeno Príncipe Henryque Augusto.Fiz o exame e lá estava a palavra POSITIVO, a palavra qe mudou a minha vida e a de todos qe me rodiavam, muitas pessoas me julgaram, minha mãe me xingou muuito, meu pai parou de falar comigo, mas eu e o Rick ficamos muito mas muito feliz mesmo, a nossa vida a partir daquele exame começou a fazer sentido. Minha gravidez foi complicada pelo seguinte motivo: Eu tinha dois sacos gestacionais e somente um tinha embrião, e justamente o que não tinha nada estava segurando o que tinha, qualquer descuido poderia ter se soltado e carregado junto o que tinha meu bebe :( -- mas tudo deu certo, graças a Deus. Não tive complicação nenhuma na gravidez além desse motivo. Continuei indo pra escola, estava cursando o 1° Ano do ensino médio, fui até o final, numa sexta-feira dia 25/11/2011, quando foi no domingo senti uma contração, na hora em qe meu marido tava fazendo a tattoo, eles até viraram e brincaram: Não vai ter bb agora ai não heein!" Eu ri e disse: Não ainda falta 20 dias", dormi. E quando amanheceu o dia (seg,28/11/2011), senti muita dor, tomei um banho e fui pro hospital, chegando lá, fiz o exame de toque(qe por sinal, é horrível), estava sem dilatação nenhuma, me internaram e ficaram tentando parto normal até 22:46 da noite, senti dor e mais dor o dia inteirinho, até que fizeram a cesariana e meu bb veio ao mundo com esse sorriso maravilhoso qe contagia quem vê.Ele nasceu com 2.345g e medindo 46cm, muito pequenininho, mas muito esperto. E hoje sou tão feliz por passar a noite acordada, mas acordar pela manhã e ve o sorriso que diz qe vale muito a pena ter uma noite dificil, ter pessoas te olhando torto e ter passado tanta coisa por esse pequenino.Não tem palavras pra descrever o que ele significa pra mim.É isso, gente *---*


perguntinhas da assk ↓
QUAL FOI A REAÇÃO DO SEUS PAIS . ? DO SEU NAMORADO ?‎

De primeira minha mãe me xingou, mas hoje o Henryque é tudo pra ela. Meu pai parou de falar comigo, mas hoje ama meu "fiótinho". Meu marido ficou extremamente feliz por eu estar grávida, era tudo que ele sempre quis. Apesar dele já ter um filho, ele diz que é a primeira vez que se sente pai.

voce anda com o seu filho como se ele fosse um trofeu, voce nao tem vergonha ?
minha querida(o), eu não ando, eu desfilo com o meu troféu. Quem foi que te disse qe ele não é um troféu? Lógico que é. Me lançaram um desafio e eu venci, duvidaram, mas eu ganhei o troféu mais lindo do mundo. Vergonha de que ? De ter um filho maravilhoso que eu tanto amo? Não, eu não tenho vergonha e sim MUITO ORGULHO de ter tido ele. 2bjú

FICO GRAVIDA COM QUANTOS ANOS ?
Fiquei gravida com 15 anos e tive ele com 16 anos

QUAL FOI SUA REAÇÃO AO SABER QUE TAVA GRAVIDA ?‎
A minha reação foi de felicidade por saber que tinha um serzinho dentro de mim, dependendo de mim mesmo antes de nascer.

Ser mãe é saber se virar com as dificuldades, superá-las, enfrentá-las por uma pessoa que depende de mim, somente de mim, ser mãe é passar a noite acordada e mesmo assim no outro dia estar com um sorriso enorme por ver aquele sorrisinho que faz qualquer coisa que passei e ainda vou passar valerem a pena, ser mãe é amar incondicionalmente. Só quem é mãe de verdade, entende

             ''  Não tem explicação pra descrever o que ele é pra mim, o que eu sinto por ele é além do amor, além dos pensamentos. Não existe palavras pra descrever tudo isso que eu sinto por ele.''
 


Meu futuro não poderia ser melhor, tenho tudo que eu sempre quis com o meu marido, tenho um filho M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O e com muita saúde graças a Deus. O futuro do meu gatinho vai ser muito bom porque ele tem um pai e uma mãe que o ama muito mais que tudo nessa vida.



De : MAMÂE 

Para : FILHO ,<3

Henryque Augusto, meu filho.
Passamos por maus bocados, mas também por muitas alegrias. Tive vontade de abandonar tudo muitas vezes, mas saber que você dependia de mim pra viver era o que me fortalecia, me sustentava. Minha vida só fez sentido quando você entrou nela. Meu ar, meu chão é você, mesmo quando fecho os olhos posso te ver (8). Seu sorriso é meu alimento, sua voz é minha água, seu existir é o ar que preciso pra respirar. Eu te amo incondicionalmente, mas ainda acho essas palavras muito pouco pra descrever o que sinto, porque o que eu sinto não se descreve, se sente!



atualmente o Guto tem 1ano e 1 mês ;p



prontinho , mais uma historinha pra voçêis , contada pela propria Jana;p *-*

Se gostaram , comentem ai em baixo ;p* -

UM BEIJO *-*

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Gerllane Ferreira

Gerllane Ferreira

17 anos - mamãe do Kadu ;)



Facebook ↓

http://www.facebook.com/gerllane.ferreira

ask ↓

http://ask.fm/GerllaneF

















KADU
























Historia Dela 


Uns 15 dias depois do acontecido comecei a sentir enjÔos , e aumento dos meus seios , so que a barriga não crescia , comecei a me apavorar com a situação , ficava imaginando se eu estivesse mesmo gravida o que eu ia fazer da minha vida, porque nunca me vi como mãe , iria perder noites de sono , não iria mais a festas como antes , pessoas iriam me julgar por varias conceitos , principalmente pela idade, enfim minha vida iria mudar radicalmente , contei a uma amiga , o que estava acontecendo , e ela me aconselhou primeiro a fazer o betaHCG , foi então que fiz , e deu positivo , ao sair do laboratório , mil coisas passaram pela minhas cabeça , não sabia o que fazer, como contar ao pai , como contar a minha mãe e ao meu pai , como eles iriam reagir , eu pensava sou tão nova pra ser mãe , estava preste a entrar na faculdade , foi então que pensei em abortar , tinha uma menta muito infantil e nem se quer entendia direito o pecado que era um aborto , comuniquei a minha amiga e ela me aconselhou a tirar isso da cabeça pois iria dar tudo certo , minha vida não iria acabar so porque eu estava gravida , muito pelo contrario apartir dessa fase da minha vida eu começaria a entender o sentido da vida , e que Deus estava comigo a todo instante , e que essa criança me proporcionaria infinitas felicidades e paz de espirito , escutei cada palavra e aquilo ficou na mente , falei ao pai da criança e ele tbm me falou que era contra o aborto , foi então que eu me acalmei tirei essa infame da minha cabeça e disse pra mim mesma que iria dar tudo certo , então contei a minha mãe e ao meu pai na hora foi aquela muvuca , mais depois eles se conformaram e me apoiaram , com 5 meses fiz a primeira ultrassonografia e me emocionei por demais quando vi que era um menininho e seu nome seria Kadu guilherme , a cada dia , cada mÊs que passava , meu amor por meu Kadu aumentava mais e mais e a vontade que ele estivesse em braços era imensa , meu pai e minha mãe demostravam um amor enorme por ele ainda na barriga , e tudo estava perfeito , Kadu era muito esperado por todos , ate que no dia 4 de julho comecei a sentir dores de manhã , esperei as dores aumentar e não aumentaram , às 10:00 hrs da noite fui pro hospital e quando me consultaram o Kadu estava bem pertinho de nascer , as dores começaram a aumentar , eram dores imensas mais pra mim cada dor que eu sentia a felicidade aumentava e a ansiedade de ver meu filho em meus braços era imensa às 00:10 do dia 5 de julho de 2012 o meu príncipe nasceu me proporcionando uma imensidão se sentimentos e de prazer , me transformei em uma nova mulher e sou muito feliz por Deus ter me proporcionado ser mãe e meu filho ser tão lindo e acima de tudo saudável .



Algum perguntas da Ask


Como contou para seus pais que voce tava gravida ?
O medo falava maior que a vontade de colocar tudo que eu estava sentindo pra fora , desabafar a situação para meu pai e minha , por que eles eu sabia que mesmo com todos os problemas , que vinha acarretados da situação , iriam me apoiar acima de tudo , foi então que pedi a uma amiga pra contar tudo para eles na hora foi um choque enorme, mais depois enfrentamos tudo juntos , eles me apoiaram em todo os momentos , a cada dia , a cada mÊs que passava , a cada ultrassonografia , o Kadu era esperado e amado cada ves mais !
Vc nao tem vergonha de ser mãe nova?
nem um pouco , ninguem paga as minhas contas , ninguem sustenta meu filho , e eu não aceito ser julgada , bato boca com que se atrever a me julgar , quem sustenta a mim e ao meu filho são meu pais , esse povo que gosta de criticar os outros sempre tem o rabo preso e tenta se afabar em cima do erro dos outros .
por qual razão voce acha que Deus mandou sua filho ?  
Eu era uma menina de festas , me importava bastante com os estudos , mas não largava as festas e a bebida , e quando engravidei , Deus me disse essa criança te transformara em uma mulher decidida , responsavel , te trará felicidade , e te ajudará a vencer , deus me deu esse anjinho por que sabia que eu iria mudar , e mudar pra melhor !
nos conte como foi seu parto , você pensou em desistir quando sentiu a dor ou algo do tipo ?
Foi bem tranquilo , comecei a sentir dores na quarta de manhã , e fiquei o dia todo esperando as dores aumentar e não aumentaram , então de noite fui pro hospital fazer exames com minha mãe, depois de examinada a doutora , disse que meu principe estava bem perto de nascer , me colocaram soro para aumentar as dores e então começou dores enormes , mais tais dores não chegavam nem perto da minha ansiedade em ver meu filho saudavel em meus braços , as exatas 00:05 da quinta fui pra sala de parto , e as exatas 00:10 o Kadu Guilherme nasceu , foi tranquilo , rapido , doloroso , mais liiiiiiiiindo *-*
quando alguém fala mau do kadu você___________ 
o Defendo com palavras que maltratara o pisicologico de tal pessoa , ate ela chegar a mim e pedir desculpas , se isso não acontecer , ai eu desço do salto e rodo a bahiana meu amoooor ;99
como é nome do seu filho ?
Kadu Guilherme Oliveira Ferreira !



Ser mãe é enfrentar , o preconceito por conta da idade e de não estar ao lado do pai da criança , é aguentar as nauseas , as dores na coluna por conta da barriga , é aguentar uma dor enorme , mais que com ela , seu filho chegará ao mundo , é perder noites de sono , mais tendo e mente ,que aquele anjinho depende de vs pra tudo , é esquecer um pouco das festas , se livra da bebida , viver com ele e pra ele , na verdade tudo que eu acabei de escrever jamais descreverá o que é ser mãe , tudo isso aqui é so um auxilio ser mãe estar alem de toda e qualquer explicação , é uma benção de Deus !


se podesse deixar uma dedicatoria pro seu filho ler quando estive grande qual seria ? 
Na verdade eu le deixaria um video :
 http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=gybCstehWiY



beijos ;3 '-
ttudo foi escrito por Gerlanne Ferreira ;) *-*









quarta-feira, 28 de novembro de 2012

SeLinhos

 ganhamos um selinho dia 13-11-12 do blog http://mamaesadolesecntes.blogspot.com.br oobrigado ↕

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Ana Raquel

Ana Raquel - 18 anos 
mamãe da Luna Eduarda - 3 meses

facebook ↓
http://www.facebook.com/kellcatturandi

Ask ↓
http://ask.fm/kellcatturandi/best

Blog dela ↓
http://gravidaaos17.blogspot.com.br






Lunna ↓



















Historia dela ↓

Tudo começou em junho de 2011. Ele me adicionou no face aí desde então começou a me paquerar kkk comentava minhas fotos, publicava no meu mural e todas essas coisas. Mas eu nem dava moral, poq tava numa fase muito EU sabe? Era meu ultimo ano na escola, tinha acabado de completar meus 17 anos, tinham começado os ensaios do meu musical que eu iria apresentar no teatro de um shopping aqui da cidade.. Eu estava super realizada e feliz. Jurei pra mim que não iria namorar.
Eu usava mais o twitter, então era muito dificil eu entrar no facebook, então eu e ele nunca haviamos conversado. Até que no dia 13 de junho de 2011 o twitter tava bugado e não tava funcionando. Fui obrigada a entrar no facebook ou morreria de tédio. Estava na escola, mas estava sem aulas. Não me recordo o motivo. Foi então que ele publicou me desejando boa sorte, pois era meu primeiro dia de trabalho. Fiquei toda boba poq ele tinha lembrado e tudo mais... Fiquei feliz e fomos conversar... Depois de um tempo pediu meu número e trocamos sms. Depois ele me ligou e ficamos conversando, estava tudo perfeito. Ele pediu pra ir me buscar na escola e eu deixei. Marcamos de nos encontrar e tudo mais. Matei o ultimo tempo pra ficar com ele. Quando ele chegou, olhei lá de cima (estudava no segundo andar) e o ví. Camisa azul e calça marrom. Todo lindo com cabelinho dourado bagunçadinho e olhinhos brilhantes a me procurar. Meu coração acelerou e eu só pude pensar: meu Deus, é ele!
Desci as escadas achando que iria cair, fiquei tão nervosa que não me lembrava mais como se andava kkk fui falar com ele. Ele olhou pra mim e disse sorrindo: Ana Raquel? Minha princesa?
Fiquei lesa. claro kkkkk ficamos conversando no refeitório então pedi pra ele me deixar em casa... Fomos andando e ficamos conversando na frente de casa. Nos beijamos.
Durante o dia, ficamos trocando mil sms e assim foi naquele dia inteiro. No dia seguinte ele foi me deixar em casa de novo. Não nos vimos no terceiro dia e no quarto dia ele foi em casa meio bêbado (kkk) me deu um pingente com a metade de um coração. A outra metade estava no pescoço dele. Me pediu em namoro. Me apaixonei de um jeito que jamais imaginaria me apaixonar. Ele pediu dos meus avós pra namorar comigo e nos viamos todo final de semana. Com 1 mes de namoro, fui escondida pro show do Jorge e Mateus com ele, meus avós descobriram e me expulsaram de casa. Ele me levou pra casa dele e ficamos morando juntos. Era tudo lindo. Eu adorava aquela vida. Era extremamente feliz. Mas foi indo morar lá que descobri que Marcos era o maior galinha. Via os historicos no computador e descobria tudo. Brigavamos bastante. Mas sempre faziamos as pazes e comiamos muito sorvete, jogavamos video-game juntos, faziamos competição de quem comia mais jujuba de uma só vez; De fato nós viviamos brincando e sorrindo. Nos amavamos. Quando minha avó me chamou de volta e eu fui, ele chorou bastante e continuamos nos amando a cada dia. até que terminamos, eu engravidei, voltamos e a vadia apareceu.
Foi mais ou menos em outubro de 2011, o Marcos Paulo tinha acabado de terminar o namoro de 5 meses comigo porquê eu sentia muito ciúme etc, mas como a gente ainda se gostava muito, continuamos ficando... Sempre estranhamos o fato de que nós mantínhamos relações sexuais sem proteção e mesmo assim eu nunca havia engravidado antes... Surgiu então na minha cabeça a ideia de que eu não pudesse ter filhos! Então decidimos tentar engravidar, o que não foi muito inteligente na época porque eu não trabalhava, só ele, e nós nem tínhamos terminado o ens. médio ainda! Mas os dois convencidos de que eu era estéril, ficamos tentando e tentando, mas com o trato de que se por acaso eu engravidasse eu tiraria o bebê. (me odeio até hoje por ter pensado e concordado com uma coisa dessas!) Mas minha menstruação veio naquele mês, dia 1º de novembro e nós finalmente nos convencemos de que eu não poderia ter filhos e até conversamos sobre uma possível adoção quando nos casássemos no futuro etc.
E então vieram as festas de fim de ano! Me lembro que em dezembro houve o casamento da minha prima, e todo mundo só pensava nisso e era o evento do ano pra nossa família! Mas os dias foram passando e eu estranhei não sentir cólica nenhuma e nem TPM e nem nenhum sinal da minha menstruação, então falei com meu namorado sobre isso e ele ficou muito exaltado e bravo... Disse que eu iria me virar pra fazer o aborto, do contrário ele iria morar em Boa Vista (fica no estado vizinho) e eu nunca mais iria saber da existência dele! Eu fiquei apavorada com a ideia de ficar sem ele e o tranquilizei, dizendo que era normal atrasar, e que mesmo assim, ainda não estava atrasada!
(A minha menstruação nunca foi muito regular, sempre foi toda maluca! Mas de certo vinha todo final de mês... ) E então chega o natal! 24 de dezembro e a minha menstruação ainda não tinha vindo... Fui fazer compras com a minha irmã e contei pra ela que estava atrasada, ela ficou meio boba com a ideia de um sobrinho ou sobrinha, mas eu estava tremendo por dentro.
Na festa de natal, Marcos Paulo já estava bem ciente da minha gravidez, e estava até meio feliz... Eu achei que a partir daí seria tudo diferente.
Mas eu estava enganada...


via ask ↓

Como sua mãe reagiu quando você contou pra ela que estava grávida?  
Em uma noite dessas, de choro e tudo mais, tive a maior decisão da minha vida! Eu iria contar pra minha mãe sobre o que estava acontecendo. Me lembrei que pouco mais uma semana, meu pai havia sonhado que eu estava grávida, aquilo meio que me impulsionou a fazer o que eu estava prestes a fazer. Peguei o celular e disquei o número: caixa postal. Mandei mensagens de texto para outro celular que costumava ficar na casa dela (ela estava no trabalho) pedindo pra ela entrar em contato comigo assim que chegasse em casa. Não demorou muito e o celular tocou. Atendí e começamos a conversar sobre assuntos diversos, como sempre fazíamos normalmente. Quando a conversa terminou e ficamos sem assunto, eu já sabia que havia chegado a hora de contar pra ela. Meu coração estava acelerado no máximo e eu gaguejei: "ma-mãe? e-e-eu tô gra-grávida". O silêncio dominou a nossa linha telefônica. Eu já estava preparando meu velório quando perguntei pra ela se ainda estava tudo bem. E ela perguntou se eu queria matá-la com a voz meio chorosa. Eu continuei calada esperando a bronca que provavelmente eu iria escutar por mais algumas horas.
Pra minha surpresa total, a minha mãe, que cá entre nós, também engravidou aos 17 e sempre me aconselhou sobre isso, ficou completamente feliz! Disse que não acreditava naquilo, e me chamou pra voltar pra casa dela, porquê ela queria o neto lá com ela e não na casa dos outros! Ficamos mais alguns minutos conversando sobre isso, sobre médico, sobre minha barriga... Opa! Minha barriga! Ela estava louca pra me ver! kkkk Então marcamos um encontro e eu fui dormir com o maior sorriso do mundo em meu rosto, um alívio que não dá pra explicar. A gravidez poderia até ser difícil, mas ter alguém me apoiando não tinha preço.
sua filha chama luna ou maria eduarda? han? pq essa confusao?
ela foi maria eduarda a gestação todinha. Faltando 7 dias pro nascimento a puta da emily fez a cabeça dele dizendo que ela era filha de outro, ele acreditou e disse que não ia assumir mais. Aí ele sumiu do mapa. Fui atras dele umas duas vezes, mas ele não quis ouvir, Me revoltei e ia assumir sozinha mesmo, troquei o dia do parto, troquei de maternidade e mudei o nome pra Selena. Mas todo mundo continuou chamando de duda poq ja estavam acostumados.
Aí no dia do parto, ele apareceu lá no hospital (não sei como descobriu, ou quem falou) mas ele tava lá, com ela nos braços e todo abestalhado, chorando e tal.
Aí ele segurou minha mão, disse que seriamos uma familia, que a emily era passatempo e que ficariamos juntos pra sempre.
Passados 3 dias, voltei pra casa e ele foi nos visitar. Disse que queria assumir, que queria registrar e tal, mas que achava o nome Selena muito feio. Ai eu disse que Maria Eduarda que era feio, muito comum.
Então fomos procurar outro nome juntos, catei meu notebook e fomos procurar nomes incomuns.
Foi uma luta poq nunca concordávamos kkkk Então achamos Luna, eu gostei e ele tambem.
Mantemos o eduarda poq todo mundo a chamava de duda.
Aí ficou Luna Eduarda :)
quando alguém fala mau da Luna você___________  
desço do salto, rodo a baiana e baixa o espírito de barraqueira no meu corpo kkkkk xingo que só.
Mas iss se for pessoalmente. Aqui pelo ask nem dou bola, poq esse pessoal que xinga minha filha só quer atenção e eu não gasto meu latim com gente recalcada e infeliz :)




saudaaaaaaade demais :') Foi no finalzinho da gestação. Me sentia linda e com curiosidade de conhecer a Luna *-*


Quando eu vi a Luna pela Primeira vez , Sempre digo que eu não pensei em nada. Apenas fiquei olhando, queria beijar, agarrar, abraçar, tocar, cheirar e ficar com ela pra sempre <3


a MELHOR coisa que já me aconteceu. É amar incondicionalmente, Sentir alegria só por alguem existir. Sentir-se mais forte com um sorriso, ter uma companheira pra todos os momentos e acima de tudo conhecer a verdadeira felicidade!









Luna, minha filha, não sei se você vai chegar a ler tudo isso, não sei com quantos anos vai estar e nem sei o que foi que mudou com o passar do tempo.
Mas só quero te dizer, que eu te amo. Que te amo mais que tudo! As coisas por enquanto estão muito muito difíceis, sei que você não entende ainda, mas só Deus sabe quantas vezes já chorei contigo no colo. Nada está simples, não está do jeito que eu sonhei pra você.
Quero também te agradecer, poq mesmo tão pequena, tão inocente e mesmo sem querer você me fortalece. A cada toque, a cada olhar, a cada sorriso que você me dá, me recarrego de forças e de esperanças. De vontade de dar a volta por cima e construir um futuro lindo e feliz pra nós duas.
Você merece tudo de melhor, você merece ser a menina mais feliz do mundo e eu farei de tudo pra realizar teus sonhos. Posso não te dar tudo o que você merece agora, mas te prometo que amor não vai faltar...
 EU TE AMO LUNA EDUARDA. Você é tudo pra mim.
Beijos, mamãe.
Manaus, 10 de outubro de 2012 - 22:16.

TUDO FOI ESCRITO POR ANINHA ;] '-  QUER SABER MAIS ? PERGUNTA LÁ EM CIMA , NA ASK ;]

BEEIJOS ;]


domingo, 21 de outubro de 2012

Ana Flávia

Ana Flávia - 14 anos 
mamãe do Otávio Gabriel

Facebook ↓
Logo menos Coloco '-

Ask ↓
http://ask.fm/naahflavia








Gabriel ↓







conta a história da sua gravidez pliz ? 
Ah, obrigada meu bem! *-* Não teve nada de mais, sério, escondi até os 8 meses, quando minha familia descobriu foi complicado, minha vó, meu vô e meu pai não me "julgaram", minha mãe ficou descontrolada, claro, meus tios não aceitaram, um deles agora aceita, o outro diz que continua preferindo minha prima de baixo da terra, do que eu com filho no colo, e assim ate hoje, mas ok, isso não importa, minha mãe está do meu lado, e é disso que eu preciso. Levou um tempo pra acostumar, mas depois minha mãe me apoiou, e a partir daí tudo melhorou, era uma gravidez de risco (para mim, e para ele) porque eu não fiz pre natal nem nada e estava anemica, mas depois que eu ja estava com o apoio de parte da minha familia, a gravidez passou de risco para normal. Minhas amigas permaneceram do meu lado. Ganhei o Otávio de parto normal, totalmente saudavel, e sem nenhuma complicação, graças a Deus, o que foi uma surpresa boa, devidas as circunstancias. E depois dele tudo melhorou, enfim, e eu so tenho a agradecer a Deus, por ter me dado forças e tudo mais, e por ter me enviado um anjo de presente.
ficou "parindo" quanto tempo ? nos conte como foi, você pensou em desistir quando sentiu a dor ou algo do tipo ?
Na terça-feira (06/03) eu comecei a sentir colica, mas bem fraquinha, ai eu fui no hospital de noite, mas a medica disse que a dilatação tava muito pouca, que era pra eu voltar pra casa, ai na quarta-feira (07/03) eu passei mal o dia inteiro, não consiguia nem andar, eram as contrações aumentando, ai quando foi 23:00 eu fui pro hospital, fui atendida 00:00, a medica disse que eu so tava com 3 de dilatação, e pra internar eu precisava de 5, ai ela falou pra eu ficar andando no hospital e quando fosse 02:00 ela ia me atender de novo, ai quando foi 02:00 eu tava com 5 de dilatação e internei, passei a noite inteira acordada, sentindo dor, e as contrações so aumentando, ai na manhã de quinta-feira (08/03) eu ja estava com 7 de dilatação, ai o médico estorou a bolsa, e as contrações pioraram muito, eu senti muita dor mesmo, ai eu comecei a desesperar e a chorar, e achar que não conseguiria, ai passou um tempinho, eu fui pra sala de parto e fui tomar a anestesia na coluna (raquer), so que a médica não consigui enfiar o cateter e a anestesia não pegou direito, ai ela colocou anestesia ne veia e ai aliviou um pouco a dor, mas continuava sendo uma colica muito forte,ai eu sofri mais um bucado e quando foi 09:25 o Otávio nasceu.
respostas da ASK ↓

Tu recebe muitas criticas por ser mãe aos 13 anos ?
sim, mas não to nem ai, eu tenho o filho mais maravilhoso do mundo, e todas as criticas se apagam quando eu olho pro rosto dele

De verdade, sem querer intrometer, mas o que deu na sua cabeça pra deixar isso acontecer ? '-' tão criança que nem aprendeu ainda que toda ação tem reação, só racho KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK cresce e aparece filhote, desculpa mamae IHAUHAUHAUHAUHA
velho, na boa... realmente você está se intrometendo, num assunto que não diz respeito a você, que nãe te interessa. criança eu? meu bem, criança é você que vem aqui em anonimo (nem coragem de botar a cara tem) pra TENTAR me insultar? eu tenho que rir é de você colega. posso ter crescido de um jeito torto, mas pode crê, que hoje, sou muito mais madura do que muita gente por ai, inclusive você, e ja aprendi muito nessa vida, diferente de você que tem que aprender muita coisa ainda ne? inclusive cuidar da propria vida. enfim, vai tomar no cu!
Tenho 14 anos também e acho que estou na mesma situação que vc estava me ajuda ? como lidar com essa situação ? o que eu falo pros meus pais ? ;/
EU ACHO que antes de TUDO você tem que ter certeza se está grávida ou não, ai depois disso, se você tiver mesmo grávida, ai você vai ter que ter calma, NÃO ABORTE, de jeito nenhum, isso é horrivel. Converse com o pai do bebê, ai depois você vai ter que conversar com alguem da sua familia, alguma pessoa que seja mais calma, pra ela te ajudar a contar pro resto da sua familia. Mas não desista do seu nenem, não deixe que ninguem ponha na sua cabeça que é pra você tira-lo ou depois da-lo pra adoção. Independente da sua idade, se você tiver mesmo grávida, você vai amar esse nenem, e vai querer ele com você, pode ter certeza, e é ele mesmo que vai te dar forças pra seguir em frente, sempre de cabeça erguida.
como é sua rotina ?
Normalmente: eu acordo, do café da manhã pro Otávio, tomo meu café, dou banho no Otávio, dou mama pro Otávio, daí ele dorme, aí eu arrumo meu material, meu quarto, e tomo banho, se eu tiver acabado de fazer essas coisas e ele ainda tiver dormindo, leio um pouco, ou mexo na internet, daí depois que ele acorda, eu ou minha mãe damos almoço pra ele, ai quando da meio dia e pouco eu dou mama pra ele e vou pra escola. Quando eu chego da escola, dou mama pra Otávio, ele da uma cochilada e tal, aí eu como alguma coisa e faço meus deveres, aí eu fico com ele, quando da oito, oito e meia, ele mama e dorme, daí eu mexo no computador. Mas as vezes, eu saio dessa rotina, e no final de semana é tudo meio descontrolado.
Você deixou ele nascer ? Ah garota se liga , parece que você não quis ter ele !! E assumir um erro ? Aposto que isso não mudou nada em sua vida , deve continuar dando igual uma louca !
Não bobo, ele ta vivo ai porque eu não deixei! Parece que eu não quis ter ele? Ah, vai tomar no cu velho! Você não sabe NADA de mim pra dizer o que eu quero ou não. EU QUIS TER MEU FILHO, EU AMO MEU FILHO. Mas, na boa velho... FODA-SE VOCÊ E FODA-SE A SUA OPNIÃO. E se eu tivesse dando igual uma louca, o que você tem com isso? Você paga alguma conta minha? Não né! A vida é minha, eu faço o que eu quiser, E SE EU QUISER DA, EU DOU, você não tem nada haver com isso!


Ser mãe é ganhar uma razão pra viver, uma razão pra acordar todos os dias, pra buscar sonhos, pra vencer barreiras, porque depois da maternidade, você tem uma vida a mais pra cuidar, um motivo pra sorrir, uma força pra lutar. Quando se um olha pra um filho, apesar de qualquer circunstancia, é a melhor felicidade do mundo. Da trabalho, é claro, mas qualquer esforço vale a pena quando você vê o sorriso da sua criança, entende? Agora eu sou uma pessoa completa, eu tenho o amor da minha vida, tem um sentido pra pode seguir em frente, apesar de tudo, ou melhor, por causa de tudo. 
                                  
                     Tu recebe muitas criticas por ser mãe aos 13 anos ?


sim, mas não to nem ai, eu tenho o filho mais maravilhoso do mundo, e todas as criticas se apagam quando 
eu olho pro rosto dele

    vê se eu ia arrepender de ter tido uma coisinha linda dessa, que so me da alegria, claro que não.
Claro que nem tudo são mil maravilhas, é trabalhoso, é cansativo, mas é um trabalho bom, é um cansaço que da satisfação, e vale a pena, pode crê que vale a pena. E foi a melhor coisa que eu fiz até hoje, ter deixado nascer meu filho.
                            AMOOOOR <3333 
QUE SE RESUMI EM 2 NOMES , OTÁVIO GABRIEL '' 



TUDO FOI ESCRITO POR ANINHA ;] '-  QUER SABER MAIS ? PERGUNTA LÁ EM CIMA , NA ASK ;]

BEEIJOS ;]



















terça-feira, 16 de outubro de 2012

Mary Lopes

 Mary Lopes  
16 anos .
mamãe do Diego Neymar

fb ↓
http://www.facebook.com/marylopes19

ask ↓
http://ask.fm/Marylopess115






D . Neymar ↓



me conta sua historia ?
Eu tinha 14 anos, era uma menina de baladas, não queria nada sério com a vida, eu achava que nunca ia acontecer comigo. Quando descobri a gravidez eu levei um susto, eu não queria acreditar, eu só chorava e não conseguia contar pra minha mãe, ela acabou descobrindo só de olhar pra mim pois não dava mais pra esconder, mas apesar de tudo ela me deu muito apoio, disse que ia me ajudar em tudo. Eu fiquei envergonhada, todo mundo na rua me olhava torto, pessoas vinham com perguntas constrangedoras, eu fiquei muito assustada, o pior era pensar em como eu ia cuidar de uma criança tão frágil, eu não tinha noção de nada, eu tinha medo do que poderia acontecer no futuro, mas graças a Deus eu tenho uma mãe maravilhosa que me ajudou a entender essa vida nova, conversou muito comigo e me deixou mais tranquila, mas o meu medo passou mesmo quando meu bebê mexeu pela primeira vez, eu fiquei ali, passando a mão na barriga e ele "fazendo a festa" na minha barriga, pra mim, foi o momento mais lindo da minha gravidez, nunca vou esquecer! O tempo foi passando e meu amor por ele foi só aumentando, cada dia ele me deixava mais feliz, minha barriga foi ficando enooorme, a cada Ultra ele tava mais lindo, fazia gracinhas, até abriu a boquinha de sono em uma delas ♥. Em Agosto de 2011, passei por uma situação de estresse e nervosismo a tarde, a noite comecei a sentir umas dores horríveis na igreja, achei que estava perdendo meu bebê, eu só chorava e minhas dores só aumentavam, minha mãe me levou pra Santa Casa, chegando lá a enfermeira as pressas chamou o Dr. Newton, médico que acompanhava minha gravidez , ele disse que eu estava com risco de parto prematuro, que ia me internar e dar remédio pra segurar o bebê, fiquei 3 dias internada e ficou tudo bem, precisei ficar de repouso até que marcar a data da cesárea. No dia 22 de agosto, Dr. Newton marcou a data da cesárea pro dia 30 de agosto, assim foi feito. No dia 30 de agosto, as 6:30 fui internada na Santa Casa pra ter o bebê, foi o dia mais feliz da minha vida, minha vó e minha mãe estavam ali comigo, só não entraram na sala de parto, as duas estavam mais nervosas que eu. Eu lembro exatamente de tudo, Diego Neymar nasceu as 7:33, com o Apgar 9/10 e cheio de saúde, foi muito emocionante ouvir o chorinho dele! Foi um amor só, levaram ele pra mamar, mas ele não quis, levaram ele pra bisavó e pra vovó ver, elas choraram de emoção. Quando fomos pra casa foi uma alegria só, ele trouxe muita paz e foi muito bem vindo, todo mundo babava! E é com muito orgulho que digo, no dia 6 de setembro, fui ao cartório e registrei Diego Neymar Lopes da Silva só no meu nome, minha mãe me apoiou muito, até hoje apoia e nunca deixou faltar nada pro meu amor. Hoje ele é a pessoa mais importante da minha vida, não me arrependo de NADA! Diego Neymar, meu anjo, meu TUDO! Te amo bebê ♥

ara, sei que não te conheço mas ai vai uma: Você é foda SIM. Porque você fez questão de agüentar todos os meses de gravidez, sem esconder, sem negar. Tem fotos, barrigudinha, que alias, sao lindas! Agüentou parto, q é um sofrimento só. + 
Eu não entendo o porque de mulheres engravidarem e esconderem isso, no começo foi foda, eu só ficava dentro de casa com medo do que os outros iam falar, mas depois eu parei de ser boba e saí sem medo, não ligava pra nada nem ninguém. Tenho poucas fotos barrigudinha, mas essas são as melhores. Meu parto foi cesárea, foi tudo tranquilo, mas a recuperação foi um bicho de 7 cabeças, eu achei que ia morrer de tanta dor, nem conseguia ficar em pé, mas graças a Deus minha família (mãe, irmã e vó) me ajudaram demais com o bebê, só tenho que agradecer a elas por isso. muito obrigada flor ♥
+ E muita mulher adulta n faz isso. Joga a criança pra família, joga até no lixo. E tu nao. Tu ta cuidando! Tbm, NUNCA te vi reclamando, eu pelo menos. Pra completar tu ainda consegue consciliar tua vida de mãe, mulher e garota muito bem! +
Eu tenho nojo de "mulheres" que fazem isso, eu penso assim: Você teve um filho? Então VOCÊ cria! Acho super errado deixar a criança com outras pessoas pra farrear, eu pelo menos to tranquila quanto a isso, eu amo ficar com ele em casa nos sábados a noite, não tem nada melhor do que ficar brincando de carrinho! Não posso nem reclamar, foi eu que fiz o filho, agora eu tenho que aguentar tudo, se bem que ele é uma criança muito boa, quase não da trabalho. Conciliar a vida de mãe, mulher, garota e ESTUDANTE não é nada fácil, mas eu faço isso com muito prazer, pra ver a pessoa que eu mais amo no mundo feliz!+ VOCÊ É 
+ VOCÊ É EXTREMAMENTE PICOSA, MULHER! Eu teria orgulho de te conhecer. Continua assim que tu vai longe!! E muitas felicidades pra ti e pro teu filhote <3  
Eu queria te dar um abraço pessoalmente, são pessoas como você que animam meu dia, que me dão mais força ainda, muito obrigada por tudo! Muitas felicidades pra vc tbm, desejo tudo o que há de bom nesse mundo ♥
qual foi a reação da sua mãe quanto descubriu que tava gravida ? 
Ela ficou um pouco brava, chorou, mas disse que cuidaria da criança.



                                                 ser mãe é [. . . ] 
                                   Ver seu coração crescendo fora do corpo *-*


o amor de mãe é  . . . 
O 2° melhor e maior amor do mundo, só esta a baixo do de Deus


quando voce viu a primeira ultrasson , como se sentiu ?  
Me senti super feliz, não sabia que eu era capaz de ter uma criança tão perfeita dentro de mim *--*


                            D. Neymaar meu Tuuuuudo ♥ <3


 Ammmmmmor <3












tudo foi escrito , por MaryLopes , ;]